TOP 10 de erros gramaticais - Português

As dicas de Língua Portuguesa não poderiam ficar de fora deste BLOG, então selecionei
um TOP 10 sobre as maiores dúvidas no idioma. A ideia não é dar explicações longas
de gramática, nada disso! Serão mostrados exemplos práticos que o ajudarão naquele momento de dúvida durante a escrita. Vamos conferir?


1 - Mal x Mau 
Quando criança, aprendi uma regra simples: O contrário de bem é
mal (L) e o contrário de bom é mau (U). Vejamos:
 
Estou me sentindo bem | Estou me sentindo mal.
Hoje tive um bom dia | Hoje tive um mau dia.
Sendo assim, na hora de escrever, apenas substitua o mal ou mau por bem ou bom e veja qual utilizar. 
 
2 - Mais x Mas 
Esse dilema é clássico, muita gente se engana na hora da
escrita! Com a dica abaixo, será impossível errar:
 
O mais tem a ver com quantidade e intensidade. Vejamos:
 
Eu não aguento mais esse barulho.
Eu comi mais ontem do que hoje.
 
Já o mas está tem a ver com ideias contrárias, de oposição, de compensação. Vejamos:
 
Eu irei ajudar, mas não abuse da minha bondade. 
Ela fez toda a lição de casa, mas esqueceu o caderno em casa.
 
Dica:
Na dúvida, basta substituir o mas por palavras com o mesmo sentido, como o porém, todavia, contudo na hora de escrever porque estas palavras não darão sentido de intensidade ou quantidade, confirmando assim, que neste caso o mas é a escolha correta.
  
3 - Agente x A gente 
Vocês se lembram do filme Agente 86? E daquele agente de viagens que te atendeu nas últimas férias? Pois é, o agente escrito junto é profissão. Já o a gente, escrito separado, é uma forma despojada de se referir ao nós. Vejamos:
 
A gente vai estudar agora? A gente tem que saber escrever corretamente?
 
Acredito que não serão necessários mais exemplos, certo?
  
4 - Aonde x Onde 
Diferenciar um do outro é bem simples: use o onde em situações que não haja ideia de movimento ou deslocamento, ou seja, quando for local fixo. Outra opção é substituir por "em que lugar". Vamos lá:

Onde está meu notebook? Onde tem um banheiro?
Houve deslocamento? Claro que não, então devemos usar o"onde".
 
De modo contrário, use o aonde apenas em situações em que o verbo for de movimento e substitua por para onde. Veja:
 
Aonde você vai? Eu vou aonde a vida me levar!
 
5 - Através x Por meio de 
Na boa? Essa eu ouço e leio muito por aí e não poderia ficar de fora, preciso compartilhar o seu uso correto. Através se usa com o sentido de atravessar algo.Vejamos: 
 
Alice passou através do espelho.
Ana olhou através da janela a chuva do lado de fora.
 
Já o por meio de deve ser usado quando houver uso de algo, como uma ferramenta, por exemplo. Vejamos:

Eu aprendi a escrever melhor por meio de cursos online. (Cursos online foi a ferramenta que o ajudou a escrever melhor).
 
Eu o conheci, por meio do Facebook. (Facebook foi a ferramenta utilizada para conhecê-lo).
  
6 - [...]ão x [...]am 
Finais de verbos que nos mostram se estamos falando de futuro e passado - não se confunda mais!
Use [...]ão no final do verbo apenas quando quiser indicar o futuro. Vamos lá: 
 
Eles viajarão no próximo mês. Eles farão uma mega apresentação na semana que vem. 
 
Use o [...]am no final de verbos apenas quando quiser indicar o passado.Vejamos:
 
Eles viajaram para Buenos Aires no ano passado. Eles fizeram uma mega apresentação na escola.
 
 7 - Viajar x Viagem 
Quando for o verbo, sempre use o J e quando o substantivo use o G. Vamos lá:
 
Eu viajei para o Nordeste no mês passado. Você gosta de viajar?
 
Nossa viagem para o Rio de Janeiro foi maravilhosa. Na viagem para Orlando, Cida dormiu o vôo inteiro.
 
8 - 12h30
Poxa! Essa dica tenho certeza que vai ajudar muita gente: o gênero do elemento hora é feminino, certo? Logo, escrevo uma hora, duas horas, por exemplo. 
Entretanto quando falamos de 12h30, falamos de meio-dia, ou seja, metade do dia que tem 24 horas, mais meia hora (metade da hora), sendo então meio-dia e meia!
 
Não vamos mais nos enganar, combinado?
 
9 - MEIO X MEIA
Já que falamos de MEIA no que diz respeito à hora, que tal falarmos de outro uso? Vamos lá:
 
Pode ser um substantivo: Eu gosto de meia de algodão e de cano longo.
 
Pode ser exatamente metade de algo do gênero feminino: Eu paguei meia entrada no cinema. (Como vimos na metade de uma hora)
 
Pode ser metade de algo do gênero masculino: Na receita use meio litro de leite. (Como em meio-dia) 
 
Pode se referir a "um pouco":
Estou meio cansada, meio triste, meio exausto, meio atrapalhada.
(Atenção: neste caso não se leva em consideração o gênero, mas sim a ideia de parcialmente!) 
 
 10 - Fazem x Faz
Quando você quer indicar um tempo que já se passou, use exclusivamente FAZ. Observe:
 
Faz dez anos que trabalho nesta empresa. 
Faz um ano que me casei.
 
Espero que essas dicas o ajude a eliminar estas dúvidas que nos deixam de cabelos em pé cada vez que precisamos escrever ou até mesmo falar em público! 
 
Se você gostou, compartilhe e comente com sugestões de dúvidas gramaticais - é só pedir que em breve faço o 2º TOP 10!

Me siga também no Facebook e no Canal do Youtube.

Um forte abraço!

Comentários

Postagens Populares

Você Sabe Como Fazer Regra de Três Simples?

Google Alertas - Uma ferramenta que você precisa conhecer

Indicação de curso para montar negócio online

Visualizações do Blog